Teya Salat
Crash & Spyro Legacy
12/04/24 13:39
HomeBlogFangamesFanficsSobre

Fique por dentro do que acontece no Crash & Spyro Legacy!


Aqui no Blog você terá um feedback sobre tudo o que há de novo no site em cada atualização!
Para acessar a página de comentários de cada postagem, basta abrí-la clicando em seu título.

Minhas fangames que nunca escrevi [Parte 1]

A misteriosa fangame que teria uma história dark e Caco Human como protagonista!

O ano era 2013 e eu estava muito envolvido com a ideia de escrever conceitos de jogos, fangames em texto de Crash Bandicoot, muito por conta do meu desempenho nos Concursos Culturais do site Dragons & Bandicoots nos anos anteriores. Naquela época, eu já estava tendo ideias para participar de um possível próximo concurso e deixei pistas da ideia para os visitantes com os quais interagia na antiga área de comentários que o site tinha, mas por conta de contratempos envolvendo o meu último ano no Ensino Médio, a não realização do concurso naquele ano e também minha preguiça, acabei por não escrever o que tinha em mente.

Hoje irei contar sobre a fangame de Crash Bandicoot que nunca escrevi, a qual sequer teve um nome planejado (e se teve, sinceramente não me lembro, aliás, o que vou contar é apenas o que me lembro, pois muita coisa fugiu da minha memória depois de tantos anos).


O CONCEITO

A ideia era para ser uma fangame que fosse sequela direta/alternativa da versão original de minha última fangame escrita na época, a Crash Bandicoot: The Arrival of the Apocalypse, com Caco Human como personagem principal. Depois da popularidade que ele conquistou entre os visitantes do site na época, achei que o personagem seria popular o suficiente para protagonizar uma história e ganhar para mim mais um Concurso Cultural. Por essa razão, a ideia era que o jogo fosse um spin-off com uma jogabilidade diferente e uma ambientação fora do convencional da franquia.


A HISTÓRIA

Eu tinha em mente um enredo obscuro e trágico para um jogo de Crash Bandicoot, algo realmente diferente. Ele partiria do final de Crash Bandicoot: The Arrival of the Apocalypse, Caco e Yaya já estariam morando em sua própria casa como vizinhos de Crash e os outros, assim como retratado em Caco & Crat: Fugitive Heroes.
Em um dia comum como qualquer outro, os bandicoots estariam cuidando de seus afazeres enquanto Caco estaria ensinando artes marciais para a Yaya. Eis que então o Dr. Neo Cortex surgiria em N. Sanity Island com um novo plano para dominar o mundo como de costume, mas ele estaria diferente do habitual, seria possível notar um ar mais maligno em sua forma de falar e agir, como se o lado cômico do personagem que conhecemos já não existisse e ele fosse puramente maléfico. Seu objetivo seria eliminar Crash e seus amigos de uma vez por todas e sua chegada se daria em uma nave espacial a pairar no alto da ilha, Cortex estaria portando naquele momento uma nova arma extremamente letal e destrutiva chamada Active Vision Ray, uma espécie de canhão de energia que ainda eu não havia definido um design específico na época. Com essa arma, ele causaria um grande caos, Crash e os outros tentariam impedi-lo ali mesmo, mas eis que então uma grande tragédia se sucede e Crash Bandicoot morre... Isso mesmo, nosso amado, heroico e cartoonesco marsupial laranja morreria por um disparo do Active Vision Ray (se você lembrou-se do contexto da época, quando a franquia estava há anos sem jogos oficiais desde que seus direitos foram parar com a Activision, provavelmente pegou a ironia). Aquele evento deixaria Caco devastado e o personagem perderia um pouco seu lado divertido, se tornando alguém frio a partir daí.
Eu não me lembro se havia planejado se seria nesse evento ou não, mas Aku Aku, Crunch e Yaya também perderiam suas vidas e só sobreviveriam Caco Human e Coco Bandicoot. Sozinhos, eles ainda tentariam impedir aquele novo e sádico Dr. Neo Cortex, mas seus esforços seriam em vão e o mundo cairia em completa desgraça... Chegaria ao ponto em que a conclusão seria a de que tudo começou com a morte de Crash e que a única solução seria voltar no tempo e impedir a sua morte.
Baseando-se no conceito da antiga Time Twister Machine, Coco construiria uma máquina do tempo para que Caco pudesse voltar ao passado e mudar o futuro, um plot altamente inspirado no do Trunks do Futuro de Dragon Ball. Nesse momento da história, Coco Bandicoot teria amadurecido e se tornado mais inteligente e focada pela força dos eventos que ocorreram, mas por outro lado, seria alguém com um lado frágil emocionalmente, ela e Caco se tornariam muito próximos e ela passaria a ter muito medo de perdê-lo assim como perdeu ao seu irmão e aos outros. Caco por sua vez seria alguém frio e sem sentimentos, focado apenas em se vingar para estancar sua dor, uma versão muito mais extrema do personagem que retratei no início de Crash Bandicoot: Survival!.
Enfim, Caco voltaria ao passado com a máquina do tempo para o dia do evento que mudou tudo e lutando ao lado de seu contraparte daquele tempo, teria êxito em sua missão, o Dr. Neo Cortex voltaria ao normal e seria derrotado, Crash então sobreviveria, assim como os outros. No entanto, ao voltar para o futuro, perceberia que seu esforço foi inútil e futuro permaneceria inalterado. Coco concluiria então que, o que Caco fez ao mudar ao passado foi criar uma nova dimensão onde Crash não morreu e a dimensão onde eles estavam permaneceria inalterada. Restaria a eles então lutar mudar o seu mundo de alguma forma, já que mudar o passado provaria ser impossível.
A partir desse ponto, não planejei a história em muitos detalhes e se planejei, não me recordo, imagino que tenha sido algo que deixei para vir naturalmente no momento em que estivesse escrevendo (ou não). No entanto, minha ideia era de que Caco tirasse proveito da máquina do tempo criada por Coco para viajar entre as linhas do tempo e as dimensões a fim de descobrir formas de ficar mais forte (pois é, eu tinha planos de introduzir um conceito de multiverso na franquia muito antes de Crash Bandicoot 4: It's About Time existir).
Chegaria o momento em que de fato Caco se tornaria o exército de um homem só, capaz de derrotar o Dr. Neo Cortex de seu mundo, acho que seria naquele momento em que ele descobriria que Uka Uka também não existia mais e que seu tio havia mudado tanto porque havia uma influência muito maior por trás de suas ações, uma força que almejava acabar com tudo e reconstruir o mundo do zero (eu acho). Se não me falha a memória, Cortex morreria após essa descoberta (ou antes, não me recordo exatamente) e Caco então teria o novo propósito de impedir que a reconstrução acontecesse.
Novamente não planejei em detalhes essa parte, mas a busca de Caco levaria a origem de tudo no universo da franquia, a origem da substância que era a essência da vida e que já nos foi apresentada nos jogos da série Titans: o mojo. Seria apresentado o ser supremo relacionado ao mojo, o qual poderia ou não ser considerado um dos Anciões mencionados em Crash Bash e que poderia ou não ser maligno (acho que não planejei essa parte), um personagem novo chamado Mojo King (Rei Mojo, em português). Ele seria um macaco, mas com trejeitos humanos e o ar de uma divindade real que alegaria ter chegado à conclusão de que a essência da vida deveria ser reconstruída e Caco teria sua batalha final contra ele. Tendo se tornando um ser extremamente poderoso, Caco venceria o Mojo King e considerando que me lembro que ele terminaria vivo no final, imagino que Caco o faria recuperar sua fé nas formas de vida terrenas, concluindo que não era certo mexer no curso de suas vidas, deixando-as livres para construir seus próprios destinos em todas as dimensões e linhas do tempo. Caco enfim sorriria depois de muito tempo e o perdoaria em honra ao seu finado amigo Crash, prometendo continuar a salvar aquele mundo que ele havia deixado das possíveis ameaças que surgissem no futuro, finalizando assim a história do jogo.


A JOGABILIDADE

A ideia dessa fangame sem nome seria ser um Action RPG de mundo aberto onde o jogador exploraria diversos cenários com Caco (e talvez Coco como segundo jogador) derrotando inimigos, desbloqueando novas habilidades do sistema de combate e farmando XP de mojo para se fortalecer, um sistema de gameplay similar ao da série Kingdom Hearts. A história progrediria através de missões e diversos personagens da franquia poderiam ser encontrados durante a aventura, com diversas possibilidades de missões secundárias.
Além da campanha principal, tive como ideia uma campanha extra paralela à da história principal (ou talvez até como parte obrigatória da história principal) focada na máquina do tempo da Coco onde Caco iria explorar outras linhas do tempo e dimensões na franquia e as possibilidades aí seriam infinitas, pois eu queria explorar toda e qualquer possibilidade dentro das histórias dos jogos, com missões em finais alternativos, como a linha do tempo com o Tiny como Rei de Terra de Crash Nitro Kart e o final alternativo do primeiro Crash Bandicoot, por exemplo, ou dimensões com histórias de jogos fechadas e inviáveis de encaixar em alguma cronologia, tais como Crash Bash ou Crash Boom Bang!, uma verdadeira exploração multiversal da franquia, incluindo até mesmo dimensões únicas extras além da já conhecida 10ª Dimensão e que acabei pincelando na The Chronicles of Caco Human do Crash Bandicoot: Trilogy.


O LEGADO

Como podem ver, seria algo complexo e trabalhoso de escrever, o que talvez justifique um pouco o porquê de não ter saído, só que ainda assim eu mantive por bastante tempo a vontade de escrever essa história. Depois que eu escrevesse e lançasse essa fangame em texto, tinha ainda mais planos em mente que levariam em conta o legado dela.
Por exemplo, os finais alternativos do primeiro Crash Bandicoot no Crash Bandicoot: Trilogy, em suas versões originais (antes de eu editá-los, quando desisti de escrever a fangame), já referenciavam o que seriam duas missões do Caco do Futuro através de duas linhas do tempo diferentes, pois ele apareceria em ambos.
Eu também já planejava uma nova fangame que seria a verdadeira sequela de Crash Bandicoot: The Arrival of the Apocalypse e ao mesmo tempo sequela dessa fangame do Caco do Futuro (irei contar a respeito dela outro dia em um post dedicado igual a esse aqui).
Além disso, planejava uma fanfic também que poderia vir a ser lançada como parte da Yearly D&B Creations Fusion Fanfic e sequela (não necessariamente direta) da Caco & Crat: Fugitive Heroes. Com o aval da Lara Messa para usar novamente os personagens da M.O.D.E. Force e o gancho do Alex ao final da fanfic de 2012 com o convite feito ao Caco, minha ideia era criar uma história onde o Caco de fato entrasse para a M.O.D.E. por algum tempo, mas seria o Caco que viveu os eventos dessa fangame não lançada (e os da fanfic de 2012 também, obviamente). Não cheguei a pensar em nada além disso, já que nada foi para frente nesse projeto de fangames anuais como já contei em outro post, mas o conceito passou por um momento na minha cabeça.


OS RESQUÍCIOS


Ainda que a fangame nunca tenha visto (e nem vá ver, pois já não tenho planos mais de escrevê-la a essa altura), sobreviveram alguns resquícios na Activi$ion Wars. Por exemplo, o design mostrado no print acima é similar ao design que havia planejado para o Caco do Futuro nessa hipotética fangame. Além disso, o Legendary Caco Human só se mostrou apelão porque eu tinha em mente que o Caco do Futuro se tornaria apelão de igual modo durante os eventos da história dessa fangame cancelada.

--//--

Como considerações finais, posso dizer que foi divertido relembrar essa ideia neste post. Aqueles tempos foram muito divertidos na minha vida e é gostoso relembrar, sei que são jogos que nunca vão existir de verdade, pois ainda que eu escrevesse, não passariam de conceitos, mas ainda assim é divertido.
Tomara que tenha sido interessante para quem esteve lá naquela época e leu esse meu devaneio até aqui (apesar de que tenho certeza de que ninguém está lendo isso aqui agora, já que ninguém vem aqui e no final estou só escrevendo para mim mesmo).
Como de praxe, deixo o email de contato do site para qualquer coisa:
contato.dblegacy@yahoo.com

Até a próxima!

Voltar para as postagens
Esta postagem ainda não possui comentários - seja o primeiro a comentar e pose de hardcore para os demais fãs de Crash e Spyro!

UNDER MAINTENANCE
Antes de comentar nas postagens do Crash & Spyro Legacy, leia estas dicas:
- Seu comentário não necessita aprovação minha, ele será publicado logo que você postá-lo. Por favor, faça bom uso desta regra, se sabem o que quero dizer;
- Algumas vezes, pode ser que seja solicitado que você digite um Captcha para comentar. Se você tiver problemas com ele, recarregue a página e tente novamente;
- O XtGem reserva os nicks de membros inscritos em sua comunidade. Se quando você comentar, seu comentário for rejeitado por essa razão, use outro nome ou adicione um espaço ou ponto ao seu nome (essa regra é dispensável caso você tenha uma conta no XtGem).

Aproveite a Área de Comentários para opinar sobre as postagens, dar sugestões, críticas, tirar dúvidas e interagir com os demais visitantes do site, faça desse local um lugar divertido e agradável!

Ass: FagnerLSantos, o webmaster
Contador de visitas: 174286
1 Online